Beyond the Road: Hannah Catmur

Bem-vindo ao Polestar Beyond the Road. Nesta nova série de conteúdos, vamos encontrar-nos com proprietários Polestar de todo o mundo e explorar as suas histórias. Primeiro, temos a entusiasta de tecnologia Hannah Catmur. Desde a vez em que apresentou aplicações ao CEO da Apple Tim Cook até às viagens pelas selvas da América do Sul, a sua história é digna de ser contada.

A Hannah é muitas coisas. É designer de produto, programadora de aplicações, aventureira, fã da Polestar, apaixonada pela natureza e mãe. É também uma pessoa motivada para a carreira, com uma mentalidade voltada para a resolução de problemas o que a ajudou a estruturar a sua vida em torno daquilo que gosta.Começou tudo com uma coincidência. Hannah explica que quando estudou Design na Universidade de Leeds a ideia de design digital nem sequer estava no seu radar na altura. "Eu estava a estudar algo mais parecido com o design tradicional e naquela altura ainda nem sequer existia o conceito de design digital", explica, "basicamente aprendíamos Photoshop e mais nada". O resto teve de aprender sozinha. Na mesma altura em que Hannah terminou a universidade, a Apple lançou o seu primeiro iPhone. Tal como muitas outras pessoas, Hannah sentiu-se inspirada pelas possibilidades que esta nova tecnologia lhe oferecia. De tal forma que decidiu dedicar-se a desenvolver aplicações. "Queria criar um produto para as famílias, para que as crianças saíssem mais de casa", entusiasma-se Hannah.Consciente e um pouco preocupada com a tendência das crianças para se colarem aos ecrãs, decidiu criar uma aplicação que encorajasse as crianças a serem mais ativas. "O objetivo era fazer com que as crianças criassem uma ligação com o ar livre."  

Hannah in the passenger seat of the Polestar 4
Hannah a testar o Polestar 4
Hannah exciting the Polestar 4
Eu estava uma pilha de nervos. No início, nem me apercebi de que ele estava no auditório.
Hannah Catmur

No último ano da universidade, surpreendeu os professores ao apresentar a aplicação a uma plateia de investidores interessados. "Lembro-me de os professores não acreditarem que eu tinha feito aquilo porque não o tinham ensinado", ri-se Hannah.A primeira aplicação que desenvolveu, PocketExplorers, despertou-lhe o interesse pela criação de produtos e mostrou-lhe como era possível fazê-lo rapidamente. A sua paixão pela resolução de problemas cresceu à medida que trabalhava para diferentes agências de design em Londres, absorvendo conhecimentos onde quer que fosse.A carreira de Hannah no design de produto culminou com a apresentação da aplicação para caminhadas, ViewRanger, a nada mais do que Tim Cook. "Eu estava uma pilha de nervos. No início, nem me apercebi de que ele estava no auditório", conta sobre a experiência. A aplicação valeu a Hannah e à sua equipa o prémio Google Excellence e, desde então, tem estado na App Store e nas lojas da Apple em todo o mundo.Tal como o seu primeiro projeto, ViewRanger motiva as pessoas a explorar a vida ao ar livre. O que não é coincidência, uma vez que ela é - e sempre foi - uma viajante e entusiasta da natureza.

01/04

O seu amor pela natureza começou desde tenra idade, quando ia observar aves com os avós. Desde então, o apetite pela aventura só tem vindo a crescer. Hannah já deu a volta ao mundo, tendo passado muitos anos a viajar pela América do Sul. "Adoro estar sempre a ver coisas novas e experimentar um modo de vida diferente", explica. Viajar deu-lhe uma perspetiva mais ampla da vida e Hannah acha que está em constante aprendizagem quando anda na estrada. A resolução de problemas, que definiu a sua carreira profissional, também está presente nas viagens que faz. "É preciso ser-se extremamente organizado quando se viaja, mas, ao mesmo tempo, acho que as melhores coisas acontecem quando não se faz planos", entusiasma-se Hannah ao explicar como passou por uma ponte desmoronada na Bolívia.Mas quando não está a percorrer a selva sul-americana, Hannah conduz um Polestar. Quando lhe perguntam por que razão escolheu o Polestar, sem surpresa, Hannah regressa ao design. "Como se todas as áreas tivessem sido pensadas e parecessem ter sido concebidas propositadamente", explica. O silêncio dos automóveis elétricos e a forma como se enquadra perfeitamente na observação de aves também é importante. "Com este carro, estacionamos em modo furtivo, nada nem ninguém nos vê ou ouve".Hannah representa muito do que nós, como marca, prezamos. O amor pela natureza, design e exploração... É a combinação perfeita em todos os sentidos.

Relacionado

Tanja Sotka approaching her Polestar 2.

Beyond the Road: Tanja Sotka

Bem-vindo ao terceiro episódio de Beyond the Road, uma série de conteúdos onde destacamos as histórias de proprietários Polestar de todo o mundo. Neste episódio, encontrámo-nos com a agente imobiliária Tanja Sotka nas paisagens remotas e serenas da Lapónia finlandesa, onde ela encontra um refúgio e um propósito.